NO CONTEXTO DA 59ª AGCNBB, BISPOS REFERENCIAIS DA COMUNICAÇÃO NA IGREJA NO BRASIL SE ENCONTRAM PARA PARTILHA DE EXPERIÊNCIAS

Compartilhe:

Bispos referenciais da comunicação na Igreja no Brasil se reuniram com a presidência da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB na noite da terça-feira, 26, para um momento de partilha sobre as diversas atividades desenvolvidas. O encontro acontece dentro da 59ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e contou também com a participação dos assessores da comissão e coordenadores dos setores comunicativos.

Na motivação inicial, o bispo auxiliar de Belo Horizonte (MG) e presidente da Comissão de Comunicação da CNBB, dom Joaquim Mol, recordou que esta reunião se tornou uma tradição para os bispos ligados à comunicação. “É um momento para alinhamento nos temas da comunicação e expressa o nosso mútuo apoio, uns apoiando os outros na tarefa da comunicação, que é cada dia mais exigente, comprometedora e delicada”, afirmou.

O bispo de Oeiras, no Piauí, e membro da Comissão para a Comunicação, dom Edilson Nobre apresentou o trabalho que vem sendo desenvolvido com os padres influenciadores, que anteriormente eram chamados de padres cantores. A mudança do nome, conforme expressou o bispo, representa também uma atenção ao momento presente, em que muitos têm um grande número de seguidores nas redes sociais.

O assessor da Comissão, padre Tiago Sibula, comunicou aos bispos sobre o andamento da atualização do Diretório de Comunicação da Igreja no Brasil, que vem sendo conduzido pelo Grupo de Reflexão sobre Comunicação (Grecom). O trabalho é feito por um grupo que avalia parágrafo a parágrafo do documento.

A 54ª edição dos Prêmios de Comunicação da CNBB foi apresentada pela assessora de Comunicação da conferência, Manuela Castro. Estão abertas as inscrições para todas as categorias. Neste ano, a produção da cerimônia será feita pela Tv Evangelizar, com transmissão pelas emissoras de inspiração católica no mês de outubro. Um outro projeto importante que está em fase de desenvolvimento é o Guia de Comunicação Integrada, que servirá à todas as instâncias da Igreja no Brasil.

Comunicação e sinodalidade

O coordenador-geral da Pascom Brasil, Marcus Tullius, partilhou o andamento do 7º Encontro Nacional da Pascom, que acontece de 22 a 24 de julho, em Itaici, com o tema “Comunicação e sinodalidade: comunhão, participação e missão”. Segundo ele, o encontro acontecerá de forma híbrida e a maior parte das inscrições até agora são para a modalidade presencial. Ainda foi comunicada a terceira edição da Semana da Comunicação, que acontece de 23 a 29 de maio, no contexto da celebração do 56º Dia Mundial das Comunicações Sociais.

Outro grupo presente na reunião, a Signis Brasil, teve os seus trabalhos apresentados pelo presidente Alessandro Gomes. Segundo ele, dois grandes projetos estão em desenvolvimento, envolvendo rádios e TVs de inspiração católica em todo o país. As iniciativas foram acolhidas com alegria pelos bispos, que manifestaram apoio.

Os bispos presentes se manifestaram de forma aberta e fraterna sobre os assuntos abordados e sobre questões de comunicação em suas realidades. O arcebispo de Natal e referencial para a comunicação no regional Nordeste 2, dom Jaime Vieira Rocha, enfatizou a necessidade de uma comunicação para a vida, com as Pascons mais atentas à vida da Igreja local e com a dignidade humana.

Bispos presentes na reunião por regional:

.

Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB
Presidente: Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães, bispo auxiliar de Belo Horizonte (MG)

Membros da Comissão: Dom Edilson Nobre, bispo de Oeiras (PI) e dom Neri José Tondello, bispo de Juína (MT)

Regional Norte 3: Dom Wellington Queiroz, bispo de Cristalândia (TO)

Regional Nordeste 2: Dom Jaime Vieira Rocha, arcebispo de Natal (RN)

Regional Nordeste 3: Dom Josafá Menezes, arcebispo de Vitória da Conquista (BA)

Regional Nordeste 4: Dom Edilson Nobre, bispo de Oeiras (PI)

Regional Nordeste 5: Dom Gilberto Pastana, arcebispo de São Luís (MA)

Regional Oeste 1: Dom Dimas Lara Barbosa, arcebispo de Campo Grande (MS)

Regional Leste 1: Cardeal Orani João Tempesta, arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro (RJ)

Regional Leste 2: Dom Gil Antônio Moreira, arcebispo de Juiz de Fora (MG)

Regional Sul 1: Dom Sérgio Aparecido Colombo, bispo de Bragança Paulista (SP)

Regional Sul 3: Dom Carlos Rômulo, bispo de Montenegro (RS)

Regional Sul 4: Dom Francisco Carlos Bach, bispo de Joinville (SC)

Posts Relacionados

Facebook