Centro de Liturgia Dom Clemente Isnard prepara 35ª Semana de Liturgia com apoio de Comissão da CNBB

Compartilhe:

O Centro de Liturgia Dom Clemente Isnard e a Rede Celebra promovem, de 16 a 20 de outubro deste ano, a 35ª Semana de Liturgia. O evento formativo tem o apoio da Comissão Episcopal para a Liturgia da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e está com inscrições abertas.

Nesta edição, a semana será ocasião de festa, segundo os organizadores, recordando o momento em que a CNBB disponibiliza para todos os fiéis a tradução da terceira edição típica do Missal Romano. Quanto ao aprofundamento, a formação terá como tema “Sacrosanctum Concilium 60 Anos: Sentido Teológico Espiritual na Perspectiva da Desiderio Desideravi”.

“Celebrar os 60 anos da Constituição Conciliar Sacrosanctum Concilium implica em revisitar e, novamente acolher, o grande evento ecumênico da Igreja. Para tanto, esta 35ª Semana de Liturgia quer nos proporcionar um mergulho nesta Constituição, travando um fecundo diálogo com a Carta do Papa Francisco, Desiderio desideravi”, explica o bispo de Bonfim (BA) e presidente da Comissão para a Liturgia da CNBB, dom Hernaldo Pinto de Farias.

Sobre a carta apostólica Desiderio desideravi, do Papa Francisco, dom Hernaldo explica que é uma atualização da Constituição conciliar “que nos chama, novamente, a celebrar os Mistérios de Cristo na e a partir da liturgia da Igreja e não de ‘ideologias’ subjetivistas, tradicionalistas ou mesmo ‘progressistas’, para contentar um mercado religioso. Esse Mistério deve ser experimentado pelos ritos e pelas preces, fontes de espiritualidade da vida cristã”.

O bispo motiva a participação para que a terceira edição típica do Missal “que estamos para usar, seja fonte genuína da nossa experiência de fé”.

O assessor da Comissão para a Liturgia da CNBB, frei Luis Felipe Marques, ressalta a intuição originária e a dedicação permanente do Centro de Liturgia e dos seus membros que “sempre foi ajudar que as nossas comunidades pudessem beber da fonte da espiritualidade e crescerem na vida cristã. A familiaridade, a partilha das mais diversas realidades e os momentos orantes são características da Semana de Liturgia”, sublinhou.

Para informações sobre a programação, como se inscrever, clique aqui.

Posts Relacionados

Facebook